Created with Snap
saúde e coronavírus destaque

Chegada do inverno: saúde e coronavírus.

Tempo de leitura: 5 minutos.

Chegada do inverno: saúde e coronavírus.

A pandemia do coronavírus ainda é uma realidade no Brasil. Diferentemente do que acontece na Europa e na América do Norte, que se preparam para entrar no verão, aqui no Brasil estamos prestes a enfrentar o inverno. Com a tendência de temperaturas baixas nos próximos meses, surge a dúvida: o clima mais frio pode ser propício para agravar o contágio do coronavírus? Confira o artigo que a Unidas preparou para você sobre saúde e coronavírus.

saúde e coronavírus interna

Saúde e coronavírus: Clima frio e coronavírus

A Covid-19 é uma doença relativamente nova, por isso existem poucos estudos conclusivos sobre o seu comportamento em diferentes climas. Ainda não existem evidências científicas suficientes para supor que o clima frio é mais propício para a propagação do coronavírus.

Da mesma forma, muitos imaginavam que o clima tropical poderia ser um obstáculo para a propagação da doença, mas na prática isso não se mostrou verdade. Por enquanto, órgãos de saúde e especialistas preferem manter a recomendação de cuidado total, independente das temperaturas.

Porém, o que se sabe até agora é que a Covid-19 é uma doença de propagação rápida. Sendo assim, locais com maior densidade populacional ou um grande volume de pessoas transitando e interagindo estão mais propensos a contaminações. Prova disso é que, no Brasil, os estados de São Paulo e Rio de Janeiro são os que, até o momento, possuem o maior número de casos.

saúde e coronavírus 2

Saúde e coronavírus: Devemos tomar mais cuidado

Se tomarmos a gripe comum como exemplo, informações do Ministério da Saúde mostram que o inverno não é necessariamente o maior vilão. Dados do órgão indicam que o número de casos aumenta entre os meses de abril e junho nas regiões Norte e Nordeste, e entre junho e outubro no Sul e no Sudeste.

Leia também:  O que podemos esperar após o coronavírus?

Porém, não é a temperatura o fator mais importante nessa situação, mas sim o comportamento das pessoas. Nesses meses, a combinação de temperaturas baixas com um ar mais seco faz com que as pessoas naturalmente fiquem mais tempo em ambientes fechados, o que contribui para a proliferação dos vírus respiratórios, aumentando as chances de transmissão.

Além disso, a baixa umidade do ar resulta em uma maior concentração de poluentes, prejudicando o sistema respiratório da população em geral e favorecendo o aparecimento de doenças respiratórias. Pacientes com quadros de asma, bronquite, rinite e sinusite devem redobrar os cuidados nessa época, pois são mais sensíveis aos poluentes e agentes alérgenos.

 

Saúde e coronavírus: O que esperar?

Se as projeções da OMS, Ministério da Saúde e outros órgãos de saúde estiverem certas, o pico da pandemia da Covid-19 no Brasil deve acontecer exatamente nesse período, o que pode resultar em hospitais sobrecarregados e falta de leitos hospitalares para o tratamento dos pacientes com casos menos graves.

 

Saúde e coronavírus: Como evitar?

As medidas de isolamento social têm se mostrado eficazes para reduzir a velocidade de contágio e, no momento, ainda são o melhor jeito de evitar o contágio e assim impedir que o sistema de saúde fique sobrecarregado.

Porém, diante de um cenário de início de reabertura econômica, também é importante ser extremamente rigoroso com relação à higiene das mãos com água e sabão e também álcool em gel. No caso dos empresários e comerciantes, é essencial garantir a desinfecção dos locais onde clientes e colaboradores convivem e, também, fornecer todo o equipamento de segurança adequado, como máscaras e, se possível, luvas.

Ao perceber sintomas como febre, tosse, dor de cabeça, dor no corpo e dificuldade para respirar, redobre os cuidados e consulte um médico. Esses sintomas podem representar uma gripe comum, que também será vista nesse período, mas pode ser indício de um quadro de coronavírus que pode se tornar algo ainda mais grave, portanto cuide-se e cuide do próximo.

Leia também:  Como ajudar quem precisa durante o inverno.

Confira algumas dicas sobre uma reabertura segura do seu negócio no post que preparamos para você.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você também pode gostar de: