Created with Snap
educação no trânsito destaque

Educação no trânsito.

Tempo de leitura: 7 minutos.

Educação no trânsito

 

Estudar as leis de trânsito é fundamental. Independente da habilitação ou reciclagem da CNH, é preciso estar sempre atualizado quanto às regras determinadas pelo Código de Trânsito Brasileiro. Mas está muito enganado quem pensa que é só dar uma lida, decorar, passar no teste e nunca mais precisar estudar sobre o assunto.

 

Educação para o trânsito é uma coisa muito séria e ter conhecimento sobre o assunto é essencial, até porque a legislação de trânsito passa por diversas alterações conforme passam os anos.

 

Curiosidade: sabia que em 2016 a legislação de trânsito teve mais de 20 atualizações? Muita coisa, não é mesmo? O bom de tudo isso é que hoje em dia você ainda consegue fazer cursos online sobre educação no trânsito.

 

Pela internet você encontra cursos a distância na área de trânsito que trazem uma série de tópicos que auxiliam na compreensão sobre o Código de Trânsito Brasileiro.

 

Através do curso é possível aprender sobre os direitos e deveres dos cidadãos no trânsito, assim como conhecer um pouco sobre a história do trânsito brasileiro e de quebra conseguir algumas dicas sobre segurança no trânsito.

 

Ter bons hábitos no trânsito preserva vidas, evitando acidentes fatais. Nem é necessário dizer que quando falamos de transformação o correto é começar por nós mesmos. Vai depender da responsabilidade de cada um, que busca conhecer as normas, as boas práticas, e também é capaz de assumir os deveres. Fazendo sempre o uso de cortesia e gentileza.

 

A Organização Mundial da Saúde já apontou que o trânsito tira mais de 40 mil vidas por ano no Brasil. Nesse caso, os números representam uma taxa superior a 22 mortes a cada 100 mil habitantes e está acima da média das Américas, que é de 15,9 por 100 mil habitantes, segundo a OMS.

 

O Brasil infelizmente está na quinta posição entre os países recordistas em mortes no trânsito no mundo e ocupa a quarta posição considerando apenas o continente americano. Existem diversas estatísticas aplicadas que mostram a importância da educação no trânsito.

 

Mas, afinal de contas, do que trata a educação no trânsito? Confira o artigo que a Unidas preparou para você!

Leia também: Proteção acrílica: mais segurança para suas corridas.

O que é educação para o trânsito?

 

Quando falamos de educação para o trânsito, não se trata apenas de um curso sobre legislação, nem mesmo um curso para motorista ou para pessoas que estão se preparando para tirar a habilitação ou para a reciclagem da CNH.

 

A educação no trânsito está baseada em formar crianças, jovens e adultos responsáveis e em desenvolver a conscientização sobre os perigos no trânsito quando as leis não são seguidas e infrações são cometidas.

 

Ignorar ou desrespeitar as leis vigentes contribui para situações que não afetam somente quem comete a infração, pois quem não respeita o limite de velocidade, por exemplo, acaba colocando em risco a vida de outras pessoas, sejam motoristas ou pedestres.

 

Podemos encontrar inúmeras campanhas voltadas à conscientização para a segurança no trânsito. O mais chocante de tudo isso é que não estamos falando de coisas difíceis de fazer ou de hábitos difíceis de adotar.

 

São pequenos detalhes, como usar o cinto de segurança, respeitar o limite de velocidade e a faixa de pedestres, usar cadeirinha para carregar crianças, não dirigir sob o efeito de álcool, entre outros. Só que, apesar de serem atitudes simples, elas são facilmente deixadas de lado, por isso a importância do tema.

 

Leia também: Multa com carro alugado? Saiba o que fazer.

educação no trânsito interna

Como podemos melhorar a educação no trânsito?

Programas focados nas crianças

 

A educação de trânsito dentro das escolas contribui na conscientização desde muito novos. Programas educativos para os pequenos possuem uma retórica relevante e têm uma grande influência, despertando para o olhar dos adultos mais responsáveis, e tornando-os mais atentos e cordiais no trânsito.

 

Estudantes do ensino fundamental e médio, em diversas regiões, costumam participar de palestras que abordam a legislação de trânsito e medidas educativas, com dicas sobre educação no trânsito.

Conscientização de adultos

 

Campanhas de educação no trânsito voltadas ao público adulto têm como objetivo chamar a atenção para normas como, por exemplo, a necessidade de se utilizar o cinto de segurança. As campanhas também podem estimular a cooperação, assim como a direção defensiva.

 

Além disso, é fundamental abordar temas de prevenção a acidentes. Uma delas, por exemplo, trata do respeito com os limites de velocidade ou a faixa de pedestres e não ultrapassar veículos em áreas onde isso não é permitido.

 

Incentivar atitudes mais humanas no trânsito, seja como motorista, seja como pedestre, é primordial nos programas de educação no trânsito.

 

Na era digital, também vemos o quanto a divulgação de bons hábitos tem sido compartilhada nas redes sociais, trazendo bons resultados, uma vez que consegue atingir uma boa parcela da população conectada.

 

O Detran tem usado como estratégia até mesmo a imagem de celebridades, algumas delas flagradas em infração no trânsito, para chamar mais a atenção das pessoas e da mídia para a importância da educação no trânsito.

 

O papel das partes

Se cada um fizer a sua parte, assumindo seu papel e sendo responsável dentro do trânsito, já é um excelente passo para contribuir com ruas mais seguras para locomoção de todos.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

você também pode gostar de: